Índice de ações da Europa atinge máxima recorde com otimismo sobre recuperação global

STOXX 600 ultrapassou sua máxima anterior de fevereiro de 2020. O índice acionário referencial da Europa atingiu máxima recorde nesta terça-feira (6), recuperando todas as perdas provocadas pela pandemia com os investidores apostando em uma rápida recuperação econômica global, alimentada por estímulos e programas de vacinação contra a Covid-19. Os operadores europeus retornaram de feriado para levar o STOXX 600 a uma alta de 0,8%, a 435,7 pontos. O índice avançou mais de 60% ante as mínimas do ano passado, e ultrapassou sua máxima anterior de 433,90 pontos em fevereiro de 2020. Os principais índices de Wall Street atingiram níveis recordes na segunda-feira após dados indicarem um mercado de trabalho forte e recuperação da atividade empresarial nos Estados Unidos, ajudando a melhorar o humor global mesmo com os casos de coronavírus saltando no mundo. As mineradoras tinham os maiores ganhos nesta terça-feira na Europa, com alta de 2,4%, enquanto bancos, montadoras e seguradoras subiam mais de 1,0%. Confira as principais cotações da Europa nesta terça: Em LONDRES, o índice Financial Times avançava 1,17%, a 6.816 pontos. Em FRANKFURT, o índice DAX subia 0,95%, a 15.250 pontos. Em PARIS, o índice CAC-40 ganhava 0,53%, a 6.135 pontos. Em MILÃO, o índice Ftse/Mib tinha valorização de 0,48%, a 24.828 pontos. Em MADRI, o índice Ibex-35 registrava alta de 0,76%, a 8.642 pontos. Em LISBOA, o índice PSI20 valorizava-se 0,51%, a 5.002 pontos. Na França, entra em vigor lockdown por quatro semanas

Índice de ações da Europa atinge máxima recorde com otimismo sobre recuperação global
STOXX 600 ultrapassou sua máxima anterior de fevereiro de 2020. O índice acionário referencial da Europa atingiu máxima recorde nesta terça-feira (6), recuperando todas as perdas provocadas pela pandemia com os investidores apostando em uma rápida recuperação econômica global, alimentada por estímulos e programas de vacinação contra a Covid-19. Os operadores europeus retornaram de feriado para levar o STOXX 600 a uma alta de 0,8%, a 435,7 pontos. O índice avançou mais de 60% ante as mínimas do ano passado, e ultrapassou sua máxima anterior de 433,90 pontos em fevereiro de 2020. Os principais índices de Wall Street atingiram níveis recordes na segunda-feira após dados indicarem um mercado de trabalho forte e recuperação da atividade empresarial nos Estados Unidos, ajudando a melhorar o humor global mesmo com os casos de coronavírus saltando no mundo. As mineradoras tinham os maiores ganhos nesta terça-feira na Europa, com alta de 2,4%, enquanto bancos, montadoras e seguradoras subiam mais de 1,0%. Confira as principais cotações da Europa nesta terça: Em LONDRES, o índice Financial Times avançava 1,17%, a 6.816 pontos. Em FRANKFURT, o índice DAX subia 0,95%, a 15.250 pontos. Em PARIS, o índice CAC-40 ganhava 0,53%, a 6.135 pontos. Em MILÃO, o índice Ftse/Mib tinha valorização de 0,48%, a 24.828 pontos. Em MADRI, o índice Ibex-35 registrava alta de 0,76%, a 8.642 pontos. Em LISBOA, o índice PSI20 valorizava-se 0,51%, a 5.002 pontos. Na França, entra em vigor lockdown por quatro semanas